sonhe. veja. inspire-se. repita.
Blog oficial de viagem da Norwegian

4 tipos diferentes de cerveja

Os amantes de cerveja de todos os lugares podem se animar com a notícia: o Norwegian Escape tem as melhores cervejas geladas esperando por você no The District Brew House. Com mais de 50 garrafas de cerveja e 24 barris de cerveja (inclusive a cerveja local da Wynwood Brewing Company de Miami), é fácil acompanhar a cena cervejeira em alto-mar. Seja você um novato ou um especialista, conhecer a cerveja que você bebe e como ela é feita faz parte da experiência da cerveja artesanal. Portanto, antes de embarcar no seu próximo cruzeiro de férias, saiba tudo o que você precisa sobre os fundamentos da cerveja artesanal.

O QUE É UMA CERVEJA ARTESANAL

Se você está se perguntando o que diferencia cervejas artesanais das outras, cervejarias muito maiores e seus produtos, a distinção recai sobre três fatores essenciais: a produção anual de menos de 6 milhões de barris, menos de 25% das fábricas de cerveja são de propriedade de um não cervejeiro, e mais da metade do produto delas vem de cervejas "all-malt", o que significa que elas usam ingredientes da mais alta qualidade.

DIFERENTES TIPOS DE CERVEJAS ARTESANAIS

BLONDES: variando da cor palha até ouro e com um perfil de lúpulo de leve a médio, essas cervejas serão mais populares entre aqueles que bebem a tradicional lager americana. Muitas cervejarias lançam as cervejas de verão no auge da estação, e a maioria delas é blonde, por serem leves e adequadas para serem bebidas no clima mais quente. Esse é o tipo de cerveja que se pode tomar à beira da piscina ou na praia para refrescar.

CERVEJAS DE TRIGO: se não forem blonde, o resto das cervejas de verão sendo lançado é de cervejas de trigo. Normalmente, essas cervejas têm um leve gosto de banana, com uma pitada de cravo e baunilha.

PALE ALES & IPAS: essas cervejas variam da cor âmbar à cor cobre com ênfase no lúpulo. Esse é um estilo clássico de cerveja. Se você gosta de beber champanhe brut e vinhos mais secos e encorpados, essa pode ser a cerveja que satisfaz o seu paladar. Incluídas nessa categoria, estão as India Pale Ales, a categoria com mais inscrições no pináculo das competições de cerveja, O Grande Festival da Cerveja Americana.

BELGAS: embora os chocolates belgas sejam icônicos, são as cervejas que colocam a Bélgica no mapa. Famosos pelos monastérios e pelo estilo trapista de cerveja, os belgas fazem algo tão bom que por isso têm sua própria categoria. Particularmente interessante é a marca Delirium, que fabrica cervejas e lambics frutados. Se você for fã de coquetéis frutados ou misturados, os belgas devem ter o que procura. Como acompanhamento do brunch de domingo e uma variação à clássica cerveja, experimente uma bebida frutada e fermentada belga com champanhe.

PORTERS AND STOUTS: não tenha medo do escuro. Essas cervejas têm um ótimo gosto, com café e chocolate comumente presentes na mistura. Algumas são menos encorpadas, enfatizando mais o lúpulo. Outras são mais encorpadas, com sabor mais forte e maior teor alcoólico.

Isso abrange o básico para que você comece a experimentar mais variedades de cervejas artesanais. Assim como para a maioria das comidas e bebidas, experimentar é importante. Experimente pedir várias amostras de cerveja da próxima vez que estiver a bordo do Norwegian Escape e descubra qual sabor lhe agrada mais. Com uma variedade de sabores únicos sendo desenvolvidos em microcervejarias locais e nacionais, com certeza haverá uma escolha perfeita para cada pessoa. Saúde!